25 de ago de 2012

Os Setenta anos de Jarbas Vasconcelos

PERNAMBUCO – Eleição 2012 - Social
Os Setenta anos de Jarbas Vasconcelos
Ainda meio convalescente de uma cirurgia cardíaca, Jarbas Vasconcelos comemora aniversário cercado de políticos da velha guarda e de novos aliados, como o governador Eduardo Campos. Um dos mais ácidos críticos do governo Lula e das gestões petistas, apesar de ser do PMDB, partido da base aliada do governo, é uma liderança importante no estado e referência nacional.

Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem

Soprando a vela no bolo confeitado com a bandeira de Pernambuco, a sua retaguarda a amada, Meyriele Abrantes, que mais tarde, cantou em sua homenagem “Detalhes” de Roberto Carlos

Postado por Toinho de Passira
Fontes: Leiaja, Blog do Roberto Murilo, Folha de Pernambuco, Celebs

A ideia inicial de comemorar os 70 anos de Jarbas Vasconcelos, na noite de quinta (23), sem conotação política, apenas com um evento social, se mostrou impossível.

Com uma campanha eleitoral em curso, com tantos políticos reunidos em torno do senador, ex-governador de Pernambuco, e ex-prefeito de Recife, o salão do Arcádia do Paço Alfândega, onde aconteceu o evento, tornou-se um efervescente caldeirão político.

O local tornou-se uma babel de caciques de vários partidos e coligações históricas e atuais, destacando-se a presença do Governador Eduardo Campos, acompanhado do seu candidato Geraldo Júlio.

Mendonça Filho, candidato dos Democratas, a prefeito do Recife, que durante oito anos foi vice-governador com Jarbas, compareceu, circulou e conversou ao pé do ouvido de outros caciques presentes.

Logo cedo, a imprensa divulgou o bilhete pessoal de Fernando Henrique Cardoso parabenizando Jarbas

“Meu caro Jarbas, não queria deixar de passar essa data sem lhe mandar um forte abraço. Espero fazer o mesmo para celebrar seus oitenta anos! Pouca gente no Brasil junta tantos serviços à democracia como você. Sua retidão de caráter enche amigos de júbilo e de ânimo. Um abraço afetuoso de Fernando Henrique”, escreveu o ex-presidente.

Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem

O governador Eduardo Campos no momento do abraço fraterno

Os discursos começaram: o empresário Paulo Sérgio Macedo, amigo de Jarbas e idealizador da festa, relembrou de forma eloquente, toda a trajetória política do senador.

O governador Eduardo Campos falou em “construir uma sociedade com democracia.” Antecipou-se e já pediu o convite para a festa de 80 anos.

Quem falou abertamente mesmo sobre política foi o próprio Jarbas, que disse que a aliança com Eduardo Campos só estava prevista para 2014 e que deveria ter sido feita com mais calma. “As coisas se precipitaram por conta dos desmantelos que existem no Recife”, explicou. “Quero acabar com muitas desavenças que tive ao longo dos anos. Quero viver a minha vida”, disse.

Um certo vampiro passou a noite se revirando na cripta.


Nenhum comentário: