19 de ago de 2013

Briga Barbosa X Lewandowski 2º round

BRASIL – Julgamento Mensalão
Briga Barbosa X Lewandowski 2º round
Depois que sairam do plenário eles continuaram "debatendo"

Charge : Nani – Charge Onlien

Postado por Toinho de Passira
Fontes: Blog do Josias de Souza, The Passira News

Iniciado diante das câmeras da TV Justiça, o arranca-rabo entre os ministros Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski prosseguiu após o encerramento da sessão do STF, na última quinta-feira. O segundo round ocorreu na área reservada, contígua ao plenário. Apurado pelo repórter Robson Bonin, o destampatório foi veiculado por Veja. A troca de ofensas vai reproduzida abaixo:

— Vossa Excelência não vai esculhambar a minha presidência! — increpou Barbosa.

— O senhor quer as manchetes? Quer aparecer? Vá para as ruas! — devolveu Lewandowski.

— O senhor não vai ficar lendo textos de jornal em plenário para atrasar o julgamento!

— Está para nascer homem que mande no que devo fazer. O senhor acha que tenho voto de moleque?

— Acho sim, senhor.

Lewandowski insinuou que, noutro ambiente, reagiria com os punhos:

— Se não fosse o respeito que tenho por esta Casa, eu tomaria agora outra atitude.

Antes da intervenção da turma-do-deixa-disso, Barbosa ainda sapecou:

— O senhor envergonha esta Casa. O senhor não se dá ao respeito!

Em privado, Lewandowski disse aos colegas que seu retorno ao julgamento depende de uma retratação de Barbosa. Durante a sessão de quinta, depois de acusar Lewandowski de fazer “chicanas” protelatórias, Barbosa dissera: “Não vou me retratar, ministro.” O terceiro round está marcado para quarta-feira (21).

Essa não é a primeira vez que Lewandowski ameaça abandonar o julgamento se Joaquim Barbosa não se desculpasse. Nas outras ocasiões ele voltou com a cara mexendo. Na verdade ele não pode abandonar o processo, pois isso prejudicaria os réus do mensalão, sobretudo José Dirceu, que em sua opinião foram condenados com penas desproporcional aos crimes cometidos.

Não se sabe a quem ponto Joaquim Barbosa pode chegar se houver uma mudança radical no julgamento, com a possibilidade cada vez mais factível, de ninguém da área política acabar preso, alterando a decisão da primeira parte do julgamento.
Leia no “thepassiranews”:
Bate-boca entre os ministros Joaquim Barbosa e Lewandowski ...
Ministros voltam a protagonizar troca de acusações durante análise dos recursos dos 25 réus condenados pelo mensalão; corte rejeitou nesta quinta-feira os embargos do delator do esquema, o ex-deputado Roberto Jefferson

Nenhum comentário: