23 de ago de 2013

Financiamento de mansão mais pensão da filha, custam a Renan o dobro do salário de Senador

BRASIL – Bastidores de Brasília
Financiamento de mansão mais pensão da filha,
custam a Renan o dobro do salário de Senador !!!??
Só a compra de imóvel em área nobre consome R$ 38,6 mil; senador recebe R$ 21,3 mil líquidos do Congresso, mas alega ter rendimentos de empresa. Mesmo assim feito as contas o senador está vivendo com uma merreca para pagar os seus gastos pessoais. Para agravar a crise, Monica Veloso, com quem tem uma filha, ameaça pedir aumento de pensão. Não é lindo?

Foto: José Cruz/ABr

MUTIPLICAÇÃO DOS GANHOS: senador Renan Calheiros esta gastando...

Postado por Toinho de Passira
Fontes: O Estado de S. Paulo

A reportagem de Andreza Matais e Fábio Fabrini, para O Estado de S. Paulo desnuda que as despesas do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), com o financiamento da compra da casa de um empreiteiro por R$ 2 milhões e o pagamento de pensão a uma filha vão consumir 87% da renda declarada pelo senador, de R$ 51,7 mil. Os gastos representam mais que o dobro do salário que ele recebe como congressista, de R$ 21,3 mil líquidos.

Se cumpridas essas obrigações, o senador terá para viver R$ 6,3 mil mensais, ou 13% de tudo o que diz ganhar em atividades públicas e privadas, equivalente a nove salários mínimos.

Para os padrões de Brasília, o valor impõe hábitos espartanos a um chefe de Poder. A capital é a terceira cidade de maior custo de vida do País, segundo estudo da consultoria americana Mercer, divulgado em 2011.

Renan comprou em maio uma casa de 404 metros quadrados construída no Lago Sul, área mais valorizada de Brasília. No mercado, segundo imobiliárias, o imóvel custaria pelo menos R$ 3 milhões, 50% mais que os R$ 2 milhões registrado em cartório. O negócio foi feito com o construtor Hugo Soares, por meio de um contrato paralelo cujos detalhes não constam da escritura. O que nos permite supor que Renan deu uma entrada da diferença, que não consta da escritura e assim entre outras coisa reduz os impostos de transmissão, o que já seria em si uma fraude enquadrado legalmente como falsidade ideológica e crime contra a ordem tributária – sonegação fiscal

Ato ilícito previsto no Art. 299 – do Código Penal. Tem previsto uma pena de reclusão, de um a cinco anos, e multa, se o documento é público. Acrescente-se que se o agente é funcionário público - Senador da República, por exemplo - comete o crime prevalecendo-se do cargo, ou se a falsificação ou alteração é de assentamento de registro civil, aumenta-se a pena de sexta parte.

Ao Estadão, o senador explicou ter pago R$ 240 mil à vista, como sinal, e assumido uma dívida com o empreiteiro no valor de R$ 760 mil, a ser quitada em cinco prestações semestrais - o equivalente a um comprometimento mensal de R$ 25,3 mil, por dois anos e meio. O restante do valor, R$ 1 milhão, foi financiado pela Caixa em 22 anos, com parcela inicial de R$ 13,2 mil. Só as dívidas para adquirir o imóvel comprometem R$ 38,6 mil por mês.

Foto: Playboy divulgaçao

TUDO QUE TEM DIREITO - Mônica, além dessa revisão, cobra do Senador Renan, R$ 80 mil, valor que se refere à participação da filha nos 14° e 15° salários do pai, enquanto eram pagas ao membros do Senado e não foram repassadas no cálculo da pensão.

Atualmente, Renan paga ainda R$ 6,8 mil mensais de pensão à jornalista Mônica Veloso, com quem teve uma filha. O relacionamento custou-lhe a presidência do Senado, em 2007, após denúncias de que as despesas pessoais da jornalista e da filha eram pagas pelo lobista de uma empreiteira. Na época, a pensão era de R$ 16,5 mil.

Denúncia. No início deste ano, pouco antes de Renan reassumir o comando do Senado, a Procuradoria-Geral da República denunciou o parlamentar à Justiça por forjar renda para justificar os pagamentos a Mônica. O senador não teria condições de pagar as despesas da jornalista com base no rendimento declarado à Receita.

Os ganhos de R$ 51,7 mil mensais apresentados por Renan para a compra da casa vêm, segundo o próprio, do Senado e da Agropecuária Alagoas, da qual é dono. Procurada, Mônica disse nesta quinta-feira que, com base na renda, vai requerer aumento da pensão paga atualmente, fixada por meio de acordo judicial. “Com certeza, vou pedir a revisão”, afirmou.

Seu advogado, Pedro Calmon Filho, afirmou que, para fazer o acordo, Renan só apresentou os ganhos como congressista. Pelos valores expostos, conclui-se que Renan concordou em pagar 30% dos seus ganhos como pensão para a filha a Mônica Veloso, com base nos novos valores declarados a pensão pode passar a R$ 15 mil, três vezes o valor do saldo a disposição do senador para sobreviver. (?)

Três anos e quatro meses antes de ser vendida a Renan, a casa no Lago Sul havia sido comprada por Hugo Soares por R$ 1,8 milhão, ou seja, R$ 200 mil a menos que o negociado agora. De lá para cá, a construção de tijolinhos expostos sofreu uma reforma importante que por certo agregou aumento substancial no valor final.

São duas salas, quatro quartos, três banheiros sociais, dois quartos de serviço e área descoberta com piscina, conforme registro em cartório. Vizinho de embaixadas, o imóvel é ocupado por dois filhos de Renan. O senador continua morando na residência oficial do Senado.

Foto: André Dusek/AE

A CASA DO LAGO – O imóvel de 404 metros quadrados construídos, comprado pelo senador Renan Calheiros, localizado no endereço nobre do Lago Sul, em Brasília

Nenhum comentário: