22 de ago de 2013

O que o governo está fazendo diante da disparada do dólar? - de Míriam Leitão, para O Globo

BRASIL - Opinião
O que o governo está fazendo diante da disparada do dólar?
Esse conjunto de problemas que o Brasil tem faz com que nesse momento de alta do dólar no mundo todo, ele acabe subindo mais aqui, por razões domésticas. E isso causa uma série de efeitos na economia.

Foto: Divulgação

Postado por Toinho de Passira
Fontes: Blog Míriam Leitão

Com a disparada do dólar, o presidente do BC, Alexandre Tombini, cancelou uma viagem aos Estados Unidos, para o encontro em Jackson Hole; a presidente Dilma convocou Mantega e Tombini para discutir a questão, e há uma reunião do Conselho Monetário Nacional. O BC tem atuado, oferecido ao mercado operações financeiras para dar garantias , mas ao mesmo tempo, não tem vendido dólar físico, das reservas.

O BC tem dito claramente que a política fiscal não tem ajudado, porque vem passando sinais contraditórios. Os empréstimos exorbitantes do Tesouro para os bancos públicos, por exemplo, são gastos paralelos que estão assustando e tirando credibilidade das contas públicas a ponto de ninguém mais confiar no indicador de dívida líquida.

Esse conjunto de problemas que o Brasil tem faz com que nesse momento de alta do dólar no mundo todo, ele acabe subindo mais aqui, por razões domésticas. E isso causa uma série de efeitos na economia. O ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, tinha dito que era bom para a indústria a alta da moeda americana, mas nesse exato momento, é desorganizador; mas para frente, pode ser bom, depois que se estabilizar em outro patamar.

A indústria que tiver que importar fica com problemas; assim como aquela que tiver dívida em dólar. A alta da moeda americana provoca efeitos positivos e negativos na mesma empresa. As grandes têm dívida em dólar, compram insumos de fora. Nessas horas de muita incerteza, há uma paralisia de decisões.

Tem ainda o problema da gasolina. Hoje, a presidente Dilma disse que não falou ontem com Graça Foster, da Petrobras, sobre isso. Se elas não conversaram sobre esse problema que está drenando a empresa, falaram sobre o quê? A Petrobras está perdendo dinheiro diariamente com a alta do dólar. Cada vez que a moeda americana sobe, a conta que ela tem que pagar fica mais pesada, porque compra por um preço e vende por outro, menor.

O governo está tentando lidar com essa nova situação que desorganizou o cenário do Brasil.
*Acrescentamos subtítulo, foto e legenda a publicação original

Nenhum comentário: