16 de nov de 2011

A última tourada em Barcelona

26/09/2011

ESPANHA
A última tourada em Barcelona
A lei que proíbe touradas na autônoma Catalunha, aprovada pelo parlamento regional em julho do ano passado, depois de uma petição dos moradores, concretizou-se nesse domingo, com a realização da última tourada. Embora conduzida por ativistas de direitos dos animais, os protestos foram vistos por muitos analistas como parte do desejo da Catalunha de distanciar-se, cada vez mais, da cultura enraizada no resto da Espanha.

Foto: Emilio Morenatti/Associated Press

Praça de Touros Monumental de Barcelona recebeu publico recorde para a última tourada

Postado por Toinho de Passira
Fontes:O Globo, Reuters, El Pais

A Cerca de 20 mil pessoas compareceram neste domingo à arena La Monumental para a última tourada realizada em Barcelona. A prática, na tradição espanhola há quase 700 anos, foi proibida na Catalunha em julho do ano passado, depois que o Parlamento regional cedeu às pressões de ativistas dos direitos dos animais.

A tourada final na segunda maior cidade da Espanha foi marcada por grande emoção e diferença de opiniões. Todos os 20 mil ingressos da arena foram vendidos antecipadamente e cambistas estavam cobrando 1.600 euros pelos bilhetes - três vezes mais que o normal.

Enquanto ativistas de movimentos antitouradas viam o último evento como uma vitória, para os fãs das touradas, a proibição representa uma tentativa de sufocamento da tradição local.

- Isso é como uma ditadura. Nós não fazemos nada de mal a ninguém e somos proibidos de ver um espetáculo com 300 anos - lamentou Josep Navarro, de 60 anos, fã de longa data das touradas.
Ativistas querem ampliar a proibição

Foto: Albert Gea/Reuters

Ativistas antitouradas comemoram o fim da tradição centenária

Centenas de ativistas se reuniram do lado de fora da arena carregando cartazes de protesto que diziam "adeus", "descanse em paz" e "um grande dia para os novilhos". Eles disseram que pretendem levar a campanha para outras regiões espanholas.

Foto: Emilio Morenatti/Associated Press

O famoso toureiro José Tomás dá os últimos passes na arena de la Monumental de Barcelona

No entanto, no centro da arena, José Tomas - considerado um dos maiores toureiros da história - empolgou a multidão. Com cachê estimado em 350 mil euros, ele ainda foi premiado com as duas orelhas do primeiro de dois touros contra os quais lutou. Tomas voltou recentemente à arena depois de ter levado uma chifrada durante uma tourada no México, no ano passado, que quase o matou.

Muitos veem o movimento antitouradas na Catalunha como parte do desejo do território autônomo de se distanciar da cultura enraizada no resto da Espanha. A Federação Catalã de Touradas coletou assinaturas para um abaixo-assinado contra a proibição. O Partido Popular, de oposição ao governo, também está no processo de apelação contra a lei, alegando que ela é inconstitucional e vai contra a cultura espanhola.

Foto: El Pais

O principal "matador" da Espanha, José Tomás, e dois outros companheiros, ao fim das touras foram carregados, em triunfo, nos ombros pela multidão


Nenhum comentário: