2 de set de 2013

Dilma quer que os EUA ache uma explicação por ter espionado as comunicações presidenciais brasileira!!?

BRASIL - ESTADOS UNIDOS
Dilma quer que os EUA ache uma explicação por ter espionado as comunicações presidenciais brasileira!!?
O novo chanceler brasileiro, convocou o embaixador EUA, para dizer que o Brasil está indignado, com a história de que os americanos espionaram a presidenta. Exigiu dentro de uma semana, explicações por escrito do governo Obama. Nos bastidores, comenta-se que Dilma estuda adiar ou cancelar ida aos Estados Unidos, programada para outubro.

Foto: Carolyn Kaster / AP

Obama: “Eu sei o que você e Lula andaram aprontando..."

Postado por Toinho de Passira
Fontes: Reuters, Blog do Camarotti, G1, Ultimo Segundo, Fantástico, The New York Times

O governo brasileiro expressou indignação aos Estados Unidos nesta segunda-feira com as denúncias de espionagem a presidente Dilma Rousseff, segundo revelação feita por reportagem do programa "Fantástico", da TV Globo. Emails, telefonemas e mensagens de celular da presidente teriam sido monitorados por agência de espionagem dos EUA.

O Ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo, depois de reunião com Dilma, convocou o embaixador norte-americano no Brasil, Thomas Shannon, para demostrar o desagrado do governo brasileiro e exigir explicações.

"As violações das comunicações da senhora presidenta da República, do nosso ponto de vista, representam uma violação inadmissível e inaceitável da soberania brasileira." - disse

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, complementou que a defesa da soberania do país, no que diz respeito à interceptação feita "em tese" com relação à presidente, bem como de empresas e cidadãos brasileiros, "se impõe como uma questão que deve ser defendida de forma intransigente pelo Estado brasileiro".

De acordo com Figueiredo, o tipo de ação do Brasil, após os fatos, dependerá da resposta que for dada pela Casa Branca.

O chanceler brasileiro disse ainda que espera uma resposta "formal escrita" dos EUA nesta semana sobre as ocorrências.

As denúncias feitas pelo Programa Fantástico foram baseadas em documentos fornecidos pelo ex-prestador de serviço do serviço secreto dos EUA, Edward Snowden, atualmente asilado na Rússia, ao jornalista norte-americano Glenn Greenwald, que mora no Rio de Janeiro.

CANCELAMENTO DA VIAGEM

No seu Blog, o comentarista da Globo News, Gerson Camarotti, disse ter ouvido de fontes que a presidente Dilma Rousseff deve adiar a visita oficial a Washington, agendada para outubro, se não houver resposta satisfatória do governo dos EUA sobre a espionagem da qual foi alvo.

Nas palavras de um interlocutor da presidente, isso evitaria um clima de “constrangimento” com o presidente Barack Obama. De acordo com esse interlocutor de Dilma, se não houver resposta ou se não for considerada “satisfatória”, não se descarta nem mesmo o cancelamento da viagem.

O jornal Americano “The New York Times” expressa dúvidas da manutenção da viagem de Dilma, lembrou que antes de notícias das espionagens, a Casa Branca havia anunciado que Dilma Rousseff seria homenageada com um jantar de Estado, em outubro, durante sua viagem aos EUA. Esse é o único jantar programado pelo governo Obama para a um líder estrangeiro, nesse ano.

Dos BRICS, só os líderes da Índia de China receberam tal deferência. O gesto segundo o New York Times denota o desejo dos EUA de melhorar as relações com o Brasil, e com a presidenta Dilma Rousseff.

O NYT comenta que até a semana passada, a assessoria de Dilma, assegurara que não havia planos para cancelar o jantar de Estado por causa das revelações de espionagem da NSA.

O governo americano não tem explicações convincente para explicar a espionagem. Espionou, tá espionado e não tem nada que possa dizer que deixe Dilma satisfeita.

A presidenta tem razão de estar enfezada. Entenda-se que as primeiras denúncias, já muito grave, diziam que o governo americano espionava as comunicações no Brasil, dos cidadãos comuns, de empresas e talvez alguns órgãos do governo. Agora a situação se agravou, e muito, ficou claro que eles espionaram a presidente da republica e suas ligações com os principais assessores, ministro, e quem sabe, até com o guru Lula. Meu Deus!!!

Nenhum comentário: