10 de mai de 2013

Terrorista de Boston é secretamente enterrado em cemitério muçulmano na Virgínia

BRASIL -
Terrorista de Boston é secretamente enterrado
em cemitério muçulmano na Virgínia
Mantido inicialmente em segredo, o local do sepultamento de Tamerlan Tsarnaev foi rapidamente localizado pela imprensa americana, que identificou também a mulher, Martha Mullen, de 48 anos, de Richmond, que conseguiu um cemitério que o aceitasse. Ela disse ter sido movida por convicções cristãs e que os protestos diante dafunerária, mostram "a América no seu pior momento."

Fotos: Robert A. Martin/AP



O local do túmulo do terrorista da Maratona de Boston, Tamerlan Tsarnaev, em Doswell, Virginia, um cemitério com poucas sepulturas, na zona rural

Postado por Toinho de Passira
Fontes: The Boston Globe, Huffington Post, CNN, The New York Times, Los Angeles Times, G1

O corpo de Tamerlan Tsarnaev, um dos terroristas responsável pelas bombas da Maratona de Boston, foi enterrado nesta quinta-feira em Al-Barzakh Cemetery, um pequeno cemitério islâmico em Doswell, na Virgínia, uma comunidade rural 25 quilômetros ao norte de Richmond.

Tsarnaev, finalmente sepultado
Tsarnaev, 26 anos, morreu em 19 de abril, durante um tiroteio com a polícia de Watertown, quatro dias depois de ter sido identificado, junto com o seu irmão, Dzhokhar, como os prováveis responsáveis pelo atentado terrorista, provocado pela explosão de duas bombas que mataram três pessoas e feriram mais de 260, causando dezenas de amputações, perto da linha de chegada da maratona de Boston.

Dzhokhar, o irmão de 19 anos, conseguiu fugir do local onde Tsarnaev foi abatido pela polícia, mas foi capturado 18 horas depois, gravemente ferido, está num hospital presídio, e enfrenta acusações federais que podem condena-lo a uma pena de morte.

O enterro de Tsarnaev foi organizado por Martha Mullen, 48 anos, uma moradora de Richmond, cristã, que resolveu solucionar o problema, depois tomar conhecimento pelo rádio da decisão de dezenas de cemitérios terem se recusado a aceitar o corpo de Tsarnaev.

Mullen, disse que foi a sua fé cristã, que motivou a procurar um cemitério para o odiado terrorista e providenciar o enterro.

Jesus manda que "amemos os nossos inimigos", disse ela. "Não a odiá-los mesmo depois que eles estejam mortos."

Um comunicado enviado pela Sociedade Islâmica do Greater Richmond, uma mesquita em Henrico, Virginia, diz que depois de ser conectada por Martha, ajudou a organizar o enterro, foi motivada também por "princípios de fé."

"Somos todos irmãos e irmãs em nossa humanidade. Acreditamos que muçulmanos, judeus e cristãos foram todos criados por Deus, uma alma e um corpo. A alma pertence a Deus, e cabe o julgamento final ... o que Tsarnaev fez é entre ele e Deus."

"Nós discordamos fortemente com suas ações violentas, mas isso não nos isenta de nossa obrigação de devolver o corpo para a terra. “

O corpo de Tsarnaev estava sendo guardado numa funerária em Worcester, Massachusetts, desde 3 de maio. O estabelecimento enfrentava protestos diários e seu proprietário, foi fortemente criticado e até ameaçado pela comunidade. Alguns manifestantes eram agressivos e quase sempre impiedosos, um deles segurava um cartaz que sugeria que o terrorista fosse “jogado no aterro sanitário junto com o lixo.

O envio dos restos mortais ao exterior chegou a ser cogitado. Esbarrou na discordância dos pais de Tamerlan Tsarnaev, atualmente residentes na região russa do Daguestão, além de complexas questões diplomáticas que envolvia a decisão, já que o terrorista possuía cidadania americana.

Foto: Associated Press

Habitantes protestaram durante os seis dias em frente a funerária onde o corpo do terrorista encontrava-se. Gritavam enfurecidos, frases como "Alimente os tubarões!", ou "O Diabo está esperando por ele!"

Todos tinham uma desculpa, ou uma explicação, o prefeito da cidade de Cambridge, Massachusetts, onde Tsarnaev morava, local preferencial do sepultamento, disse que não permitiria a vinda do corpo, sob a alegação de que possíveis protestos e cobertura da mídia iria perturbar a paz da comunidade.

Finalmente, foi um alívio para todos quando as autoridades de Worcester, que acabou gastando milhares de dólares, para custear as despesas proteger a casa funerária, anunciou na quinta-feira que o corpo de Tsarnaev havia sido removido sem aviso prévio e "enterrado" em um local secreto fora da cidade.

Mas o repouso eterno do corpo de Tamerlan Tsarnaev, ainda não está totalmente assegurado. Na sexta-feira, logo após a divulgação do local do sepultamento, os funcionários do Condado de Caroline onde está localizado Doswell, local do cemitério, divulgaram um comunicado dizendo que ficaram chocados com o enterro.

A CNN divulgou entrevistas com inúmeros moradores da localidade, que se disseram insatisfeitos e até revoltados que os restos mortais do terrorista tivessem vindo para aquela comunidade.

"Ninguém nos consultou infelizmente, soubemos da escolha do local do enterro através da mídia." disse o prefeito do condado Charles M. Culley, Jr., através de uma nota. Numa coletiva de imprensa, Floyd Thomas, presidente do Conselho do condado, acrescentou que "vão ser examinadas sob a ótica das leis a legitimidade do ato. “Se constatarmos que tudo foi realizado de acordo com a lei, não há nada que possamos fazer." Mas, se ocorreu alguma ilegalidade no processo do sepultamento, "nós vamos tentar desfazer o que foi feito, com determinação."


Nenhum comentário: