31 de mai de 2013

Bebê encontrado no cano do esgoto,
após receber alta, foi entregue a mãe

CHINA -
Bebê encontrado no cano do esgoto,
após receber alta, foi entregue a mãe
A Polícia chinesa aceitou a explicação da mãe que a criança caiu acidentalmente no vaso, após o parto inesperado, entre outras coisas porque ficou comprovado que foi ela quem deu o alarme de havia uma criança chorando no encanamento, o que possibilitou o salvamento do recém-nascido

Fotos: Zhong-Cheng-China-Daily-Reuters





O bebê do esgosto de Zhejiang, não ficou com nenhuma sequela, apesar de ter passado quase duas horas dentro da tubulação

Postado por Toinho de Passira
Fontes: Uol, China Daily, Al Jazeara, The Independent

Foi entregue a mãe natural, após ter obtido alta hospitalar, o bêbê que foi resgatado pelos bombeiros, no sábado passado, encontrado dentro do cano de esgoto, na província oriental de Zhejiang, na China, depois que a polícia aceitou a explicação de que ela não teve a intenção de colocar a criança em risco.

O menino acabou no esgoto, acidentalmente, quando o parto aconteceu, de forma inesperada, para ela, quando estava usando o vazo de um sanitário coletivo de um bloco de apartamentos.

A mídia chinesa disse que a mulher de 22 anos de idade, cuja identidade não foi revelada, contou que ficou grávida depois de um caso de uma noite.

O fato veio à tona no último sábado, quando uma mulher de 22 anos - a própria mãe da criança -, avisou os donos de uma residência próxima sobre o choro de uma criança vindo de dentro dos canos.

Dois dias depois, a mãe, que acompanhou todas as etapas do resgate, admitiu à polícia que tinha dado à luz ao bebê em segredo no banheiro coletivo do condomínio em que vivia.

Ela disse à polícia que manteve a gravidez em segredo, porque não podia pagar um aborto e o pai se recusou a ajudá-la. Segundo a jovem, que manteve a gestação em segredo vestindo roupas largas, o bebê escorregou ao sair do ventre e desceu pelo encanamento.

Após tentar tirá-lo, sem sucesso, e com medo que da descoberta de que ela era a mãe, a jovem alertou um vizinho sobre o choro do bebê vindo dos canos, o qual chamou os serviços de emergência.

O bebê foi resgato duas horas depois, ainda ligado à placenta da mãe, e levado ao hospital preso no pedaço de cano, que não tinha nem dez centímetros de diâmetro.

Os bombeiros e os médicos levaram quase uma hora para fragmentar o cano, sem atingir o bebê, um menino com de 2,8 quilos, que sofreu apenas alguns cortes e arranhões no rosto.

A mãe não receberá qualquer tipo de condenação, já que as autoridades entenderam o fato como um acidente e não como um fato delitivo, como poderia parecer inicialmente.

Depois de televisão estatal mostrou imagens de médicos cortando a tubulação para tirar o menino do esgoto, milhares de integrantes das redes sociais clamavam por punição para os pais, enquanto alguns se ofereciam para adotar o recém-nascido.

Esclarecido os fatos, multiplicaram-se as ofertas de ajuda à mãe e a criança. Uma história dramática que caminha para um surpreendente final feliz.

SEQUENCIA FOTOGRAFICA DO DRAMÁTICO RESGATE:

Foto: AFP/Getty Images


Foto: AFP/Getty Images


Foto: AFP/Getty Images


Foto: AFP/Getty Images


Foto: AFP/Getty Images


Foto: AFP/Getty Images


Foto: Zhong Cheng/China Daily/Reuters


Nenhum comentário: