9 de out de 2010

CHILE: Perfuradoras alcançam o abrigo dos mineiros

CHILE
Perfuradoras alcançam o abrigo dos mineiros
Antes do previsto, após 33 dias de trabalho, as maquinas que estão executando a perfuração para resgatar os mineiros os 33 mineiros, que se encontram a 622 metros, no subsolo da mina San Jose, no Chile, chegaram ao abrigo subterrâneo onde eles se encontram. Houve buzinaço e comemorações, mas os técnicos cautelosos dizem que podem ser necessário alguns dias, até que se possa içar os mineiros com segurança

Foto: Héctor Aravena/El Mercurio

Técnicos e familiares dos mineiros aplaudem e gritam com a chegada da broca no abrigo dos mineiros na mina San Jose, no campo La Esperanza, próximo de Capiapo, no Chile

Postado por Toinho de Passira
Fontes: BBC Brasil, La Hora, Emol, La Nácion

Às 8h02 deste sábado (9h02 de Brasília), veio a notícia que tanto se esperava na mina San José, no Chile: a máquina perfuradora T-130 chegou ao local onde estão os 33 mineiros presos no subterrâneo desde o dia 5 de agosto.

Uma sirene e fortes ruídos de buzinas anunciaram que o trabalho de resgate havia conseguido romper as últimas rochas para abrir o poço pelo qual os mineiros poderão ser retirados, de uma profundidade de 622 metros.

Membros das equipes de resgate e familiares dos mineiros se juntaram nos abraços. Gritos de “Força, mineiros!” e “Vivam os mineiros!” também eram ouvidos.

Foto: Luciano Riquelme/El Mercurio

“É curioso, precisamos de 33 dias de perfuração para resgatar os 33 mineiros”, disse o ministro da mineração do Chile, Laurence Golborne, ao anunciar oficialmente o fim da perfuração do túnel pelo qual baixará a cápsula que levará os mineiros de volta à superfície.

Os familiares dos mineiros esperam agora ansiosamente por uma última decisão das autoridades para saber quando começará a esperada retirada dos trabalhadores.

Antes de tomar essa decisão, os especialistas analisarão o poço com uma câmera e então determinarão se será necessário reforçar suas paredes com um revestimento metálico para evitar possíveis desmoronamentos.

“Ainda há um longo caminho a percorrer, coisas por fazer, precauções a tomar”, afirmou Golborne. “Ainda não resgatamos ninguém”, alertou. >

Foto: Getty Images

Cristina Nuenez esposa do mineiro Claudio Yanez celebra ao tomar conhecimento do sucesso da perfuração

A possibilidade de ter que esperar um pouco mais não parece importar aos familiares.

“Um dia mais, ou dois, ou o que seja, mas sabemos que logo estarão em segurança aqui em cima”, afirmou Alfonso Ávalos, pai de dois dos mineiros presos.

A seu lado, Juan Sánchez, pai de Jimmy, o mais novo dos mineiros presos, também se declarou feliz pela expectativa.

Alícia Campos, mãe do mineiro Daniel Herrera, não escondia a emoção. “Tenho uma grande sensação de alívio, porque logo poderei ver meu filho”, disse.

Foto: Juan Eduardo López/El Mercurio

Os familiares agradecem aos engenheiros e técnicos que participaram da perfuração. Nas últimas 12 horas, trabalharam ininterruptamente para concluir a perfuração

*Veja tudo que o Passiranews publicou sobre os mineiros chilenos


Nenhum comentário: