30 de set de 2010

Dilma é castigada pelos céus e por internautas

ELEIÇÕES 2010
Dilma é castigada pelos céus e perseguida por internautas
Em duas semanas a candidata Dilma perdeu 6 milhões de votos, nas pesquisas e a garantia de uma vitória no primeiro turno. A derrocada coincidiu com os escândalos envolvendo o PT e a Ministra: violações de sigilo, denúncias de alta corrupção na Casa Civil e vídeos onde ela defende a legalização do aborto. Marginalmente circulou na internet, que Dilma teria dito que “nem Jesus Cristo conseguiria derrotá-la” e até uma namorada pedindo pensão alimentícia

Foto: Site da campanha de Dilma

Não é verdade que o neto de Dilma, nascido há um mês, já tem cargo comissionado no Ministério da Agricultura, com provador de leite e um assento no Conselho da Petrobras

Toinho de Passira
Fontes: Folha de São Paulo, Estadão , Besta Fubana, Marie Claire, Mais Humor, Coturno Noturno

Preocupada com a perda de votos entre cristãos, pela sua defesa pelo aborto, a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, reuniu ontem padres e pastores, em Brasília, para negar já ter defendido a interrupção da gravidez.

A polêmica é alimentada por declarações dadas por Dilma em outras ocasiões, antes da reta final da campanha. Na tarde de ontem, porém, a petista disse que é contrária até mesmo a um plebiscito sobre o tema, como prega a candidata do PV, Marina Silva.


Trecho da entrevista de Dilma a Revista Marie Claire

O jornal o Estado de São Paulo lembra o que Dilma já disse sobre o aborto o ano passado, quando não pesava sobre si, o risco de perder as eleições:

Dando uma entrevista a revista Marie Claire (que editorialmente defende o aborto), edição 217 de abril de 2009, Dilma disse a jornalista:

"Duvido que alguém se sinta confortável em fazer um aborto. Agora, isso não pode ser justificativa para que não haja a legalização.

O aborto é uma questão de saúde pública. Há uma quantidade enorme de mulheres brasileiras que morre porque tenta abortar em condições precárias. Se a gente tratar o assunto de forma séria e respeitosa, evitará toda sorte de preconceitos. Essa é uma questão grave que causa muitos mal-entendidos."

Mais tarde numa entrevista a agência Estado:

"O que nós defendemos é o cumprimento estrito da lei, que prevê casos em que o aborto deve ser feito e provido pelo Estado." "Não se deve tratar a questão como religiosa, mas de saúde pública. "

No discurso de ontem, sob medida para agradar aos cristãos, Dilma afirmou que é "a favor da vida" e pregou a liberdade de credo. Disse, ainda, que é católica apostólica romana.

Em 2007, durante sabatina do jornal Folha de S. Paulo, ela disse ter ficado muito tempo "meio descrente". Questionada se acreditava em Deus, a então ministra da Casa Civil desviou do assunto. "Eu me equilibro nessa questão. Será que há? Será que não há?"

A misteriosa Verônica Maldonado, ex-namorada de Dilma, pedindo pensão alimentícia
Diante de 27 líderes de denominações cristãs - católicas e evangélicas -, Dilma desmentiu categoricamente que algum dia tenha afirmado que "nem Jesus Cristo" tiraria a vitória dela no primeiro turno."

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) não enviou representantes para a reunião com Dilma, mas d. Luiz Demétrio Valentini mandou uma carta intitulada Nas mãos dos eleitores, na qual diz que esta campanha "não vai deixar saudades para ninguém".

De olho nas concessões televisivas, o Bispo Edir Macedo, da Igreja Universal e dono da Rede Record, lixando-se para o aborto, disse que apóia Dilma.

Caindo no mundo paralelo da internet, pode-se encontrar a ex-namorada de Dilma, posta pelo popular “Besta Fubana” como a futura primeira dama do Brasil.

Segundo o Blog que transcreve o material publicado noutros blogs, uma empregada doméstica mineira, de nome Verônica Maldonado afirma ter tido um longo romance com a atual candidata à presidencia da república, Dilma Rousseff e estaria entrando com uma ação judicial pedindo pensão alimentícia.

“Nos relacionamos durante mais de quinze anos, mas quando surgiu essa oportunidade em Brasília, ela nunca mais quis saber de mim” – teria dito Maldonado, a respeito de Dilma.

Democrático, o Blog “Besta Fubana” disse está disposto a publicar também informações sobre a vida sexual do candidato José Serra, se alguém informar.

Mantendo o clima das publicações de celebridades em conflitos, dizem que a divulgação dessa nova namorada trouxe sérios problemas entre o casal Dilma e Erenice (?)

Para o deputado e bispo Manoel Ferreira (PR-RJ), presidente da Assembleia de Deus do Ministério Madureira, católicos e evangélicos têm agora uma missão, a três dias das eleições : "desconstruir" a imagem de que Dilma é a favor do aborto. "Um pingo de fermento pode azedar uma massa inteira", declarou.

Acontece que quem pôs parte do indevido fermento na massa foi a própria candidata.

O que realmente Dilma disse sobre o aborto:

 


Um comentário:

Anônimo disse...

Democratico?é?Então, o blog se dispõe a publicar fatos da vida sexual também de José Serra?Isso não é democracia, é baixaria, canalhice.Alguém que respeita a si e aos outros não publica um lixo desses.E olhe sou eleitor do Serra,e, supostmente um fato como este poderia ,eventualmente, beneficiá-lo eleitoralmente,mas este tipo de expediente é destetável,canalha, baixo,indigno de ser considerado por alguém que se preza.Logo se vê que nenhum veículo de informação sério veiculou ou fez menção a este suposto fato.L A S T I M Á V E L!
HELI ROBERTO